Tudo que acontece na AMP
é destaque no nosso canal de novidades

11/02/2020

Santa Casa forma 46 novos especialistas

Na presença de amigos, familiares e preceptores, 46 médicos formaram-se em uma das 13 especialidades do Programa de Residência Médica da Santa Casa. O evento, que oficializou a passagem dos médicos residentes para médicos especialistas, aconteceu no último sábado (8), no auditório da Associação Médica do Paraná (AMP).

Neste ano, o programa formou médicos nas especialidades de Anestesiologia (4), Cardiologia (6), Cirurgia Geral (5), Cirurgia Vascular (2), Clínica Médica (3), Dermatologia (4), Geriatria (4), Obstetrícia e Ginecologia (4), Nefrologia (3), Oftalmologia (4), Ortopedia (4), Otorrinolaringologia (2) e Urologia (1).

Dom Antônio Carlos Altieri, membro do Conselho de Administração da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Curitiba, usou seu momento de fala para destacar a importância do dia para todos os presentes, em especial aos que estavam se formando. “O dia de hoje marca o fim de um longo período de estudos e dedicação, que começou há vários anos, com a tão sonhada aprovação no curso de medicina. Após os longos seis anos de curso, um novo desafio: a concorridíssima prova de residência médica. E vocês venceram”, comentou.

Ele ainda levou uma mensagem emocionante que exemplifica, principalmente, o objetivo principal da medicina na Santa Casa, que é a humanização. Pois, segundo ele, o carisma de cuidar do próximo e a busca pela excelência profissional fazem valer a pena todo sacrifício, que deixa de ser um sacrifício. “O apóstolo São Paulo nos disse que o que é amado não pesa, e, se pesar, até o peso passa a ser amado”, recordou. “Hoje, nos encontramos aqui, para legitimar essa jornada e desejar a todos os formandos que a sua caminhada seja de crescimento contínuo na busca da compreensão do mistério humano. A compaixão, a empatia, a ternura, sempre demonstradas na reverência ao dom da vida e do seu autor, serão sempre elementos fundantes para a cura daqueles que lhes confiarem todas as suas esperanças e expectativas”, enfatizou. Ao final, ainda realizou a Oração do Pai Nosso com os participantes do evento.

Entre os presentes, além de Dom Altieri, estavam a Dra. Ana Claudia Dambiski, coordenadora da Comissão da Residência Médica da Santa Casa (Coreme); Dr. Nerlan Tadeu Gonçalves de Carvalho, presidente da AMP; Dr. Luiz Ernesto Pujol, secretário-geral do Conselho Regional de Medicina do Paraná (CRM-PR); Dr. Altemar Paigel, diretor-clínico do Hospital Santa Casa de Curitiba; Eduardo Bistratini Otoni, diretor-executivo do hospital; Dra. Nivia Pereira de Souza, diretora-médica coorporativa da ISCMC, e Jeferson Machado Pereira, diretor-geral da ISCMC.

Os formandos permanecem no hospital até o fim de fevereiro, quando darão lugar a um novo grupo, aprovado no processo seletivo realizado no fim do ano passado. Vale destacar que a residência médica é considerada padrão ouro em formação de médicos especialistas e que a Santa Casa, desde 1959, mantém a tradição de ofertar um dos mais conceituados programas de residência médica.
 
 

Aproveite e
veja também