Tudo que acontece na AMP
é destaque no nosso canal de novidades

04/05/2022

Comissão Nacional de Negociação inicia encontros de aproximação

A Comissão Nacional de Negociação da Saúde Suplementar, liderada pela Associação Médica Brasileira (AMB) e Associação Paulista de Medicina (APM), iniciou, na última semana, as atividades de 2022. Por ora, o encontro entre médicos e empresários da saúde suplementar está sendo para ampliar o relacionamento entre as instituições e discutir interesses em comum. As negociações, de fato, devem começar nas próximas semanas.
 
A primeira rodada de conversa, realizada na sede da APM, ocorreu no dia 25 de abril, com Hamilton Cardomingo e Adilson Muri Cunha, respectivamente diretor de Operações e Saúde e gerente de Credenciamento da Porto Seguro.
 
Os médicos foram representados pelo diretor de Defesa Profissional da AMB, José Fernando Macedo, e pelo presidente e diretor de Defesa Profissional da APM, respectivamente José Luiz Gomes do Amaral e Marun David Cury.
 
Este mesmo grupo de médicos, acrescido de Florisval Meinão, diretor Administrativo da APM, recebeu os representantes da Associação Brasileira de Planos de Saúde (Abramge) na quinta-feira, 28 de abril. Participaram, pela companhia, o superintendente médico, Cássio Ide Alves, e o presidente Renato Caserotti.
 
Encerrando a semana, no 29 de abril, o encontro foi com a UnitedHealth Group Brasil, representada pelo CEO, José Carlos Magalhães, e pelo diretor executivo médico, Fernando Moisés José Pedro. Pelas Associações, participaram Macedo, Amaral, Marun, Meinão e Antonio Carlos Endrigo, diretor de Tecnologia de Informação da APM.
 
Pauta 2022
 
Todos os anos, a Comissão de Negociação com os planos de saúde se reúne com as principais operadoras do país, levando as demandas dos médicos e solicitando reajustes que acompanhem os índices inflacionários e reponham perdas históricas.
 
Os detalhes são sempre decididos em assembleias com participação da Diretoria das Associações e de representantes das sociedades de especialidades médicas, com apoio da Academia de Medicina de São Paulo. A expectativa é que esta assembleia para a definição da pauta de negociação deste ano ocorra no início de maio.
 

 
Fonte: APM

Aproveite e
veja também